Dolce e Gabbana são condenados à prisão por evasão fiscal

Os estilistas italianos deixaram de declarar cerca de 1 bilhão de euros às autoridades fiscais.

20140501-221417.jpg
Os estilistas Domenico Dolce e Stefano Gabbana (Gareth Cattermole/Getty Images).

Os estilistas italianos Domenico Dolce e Stefano Gabbana foram sentenciados a 18 meses de prisão nesta quarta-feira pelo Tribunal de Apelações de Milão, anunciou a imprensa italiana. A dupla, dona da grife Dolce&Gabbana, foi condenada por imprecisões em suas declarações de impostos.

No julgamento em primeira instância, em junho de 2013, os dois foram condenados a um ano e oito meses de prisão por evasão fiscal, estimada em quase 1 bilhão de euros. A sentença foi reduzida na apelação e alguns dos crimes atribuídos à dupla foram prescritos. Outros quatro funcionários da marca também foram condenados à prisão, incluindo o contador Luciano Patellito.

De acordo com os juízes, Dolce e Gabbana criaram entre 2004 e 2005 uma empresa de fachada em Luxemburgo, cedendo o controle das marcas do grupo para escapar das autoridades fiscais italianas. O advogado dos estilistas afirmou que deve recorrer. “Estou sem palavras, totalmente sem palavras. Indubitavelmente, vamos apresentar um recurso ao Supremo Tribunal Federal”, declarou o advogado Massimo DiNoia.

Fonte: veja.abril.com.br (Com agência France-Presse).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: